quinta-feira, 21 de abril de 2011

Desejos sexuais estranhos

Hoje vamos falar sobre algo que é, sempre foi e sempre será um grande tabú de nossa sociedade. O sexo. Sim, esse assunto que deixa muitas pessoas constrangidas ou envergonhadas (acho que é a mesma coisa as duas). Enfim, post é sobre as coisas mais bizarras que podem ser feitas durante o sexo. 
Segue agora o Top 5 (imaginem aquela vinheta do CQC) sobre as coisas mais estranhas que podem ser feitas no sexo.


Apotemnofilia
Creiam ou não, isso consiste em sentir desejo sexual por pessoas que tem alguma parte do corpo amputada. A excitação vem justamente da falta daquela parte. Exemplo: o cara vê uma mina sem braço e sente atração por ela justamente porque ela não tem braço.
Sei lá, geralmente os homens sentem atração quando a mulher TEM alguma coisa (tipo seios e tal), mas existem caras que sentem quando ela NÃO TEM. Pode parecer bizarro, mas se você parar pra pensar é até bonito e romântico. Sabe aquela história de que toda panela tem sua tampa ? Então, aquela pessoa que sofreu preconceito a vida toda por ter alguma deficiência, pode ser a musa de algum apotemnofilo e viver uma grande história de amor com ele = )


Sado-Masoquismo
Essa eu confesso que acho bem imbecil (sem querer parecer preconceituoso ou cabeça fechada).
A palavra vem de dois outros hábitos, o Sadismo, que consiste em sentir prazer fazendo outra pessoa sofrer ou sentir dor. E o masoquismo, que consiste em sentir prazer quando está sofrendo ou sentindo dor.
Quando duas pessoas que tem esses hábitos se envolvem, cria-se o sado-masoquismo, que é uma relação onde na hora do sexo, um vai ficar fazendo o outro sentir dor. É mole ?
Longe de mim querer criticar ou questionar os hábitos alheios, mas eu não consigo entender isso, sério.
Justamente naquela hora onde você quer fazer tudo bonitinho, a pessoa vem querer te bater ??? Sei lá, não é um momento legal pra isso. É a mesma coisa que a mulher te xingar quando você tá lá, fazendo de tudo pra ela curtir sua atuação, aí ela vem e te xinga. É meio decepcionante. Imagina então ela te bater. Mas enfim né, cada um é cada um.

proibido sado masoquismo


Bondage
Esse é outro bem estranho. Consiste em amarrar o parceiro com cordas, algemas, mordaças, vendas, camisas de força e afins. E o prazer vem daí, do ato de amarrar, nem precisa do sexo em si. Ou seja, que bosta hein.
dependendo pode até ser da hora em alguns casos

Maieusofilia
Consiste em sentir excitação pela visualização de partos, o que ao meu ver é algo monstruoso, já que apesar de ser bonito essa historia de dar a luz, gerar uma criança e tal, o parto é bem feio. Momento horrível que eu espero nunca ter que ver na minha vida.
A Maieusofilia também é caracterizada pela atração por mulheres gravidas, o que pra mim é algo completamente normal, já que gravida é bonita, tem quadril largo, geralmente usa roupas atraente e fica com o braço um pouco inchadinho. Enfim né, quem nunca sentiu atração por uma gravida que atire a primeira pedra.

Julia Paes, a moça que me fez perceber o quão bonito é uma gravida = )


Coprofilia/Urofilia
Esse é uma coisa à beira do absurdo. Chega a dar vergonha de escrever sobre isso de tão estranho que é.
A urofilia consiste no ato de urinar ou receber uma mijada do parceiro. Pode-se também (affff) beber a urina do parceiro, o que é conhecido como "Chuva Dourada".
E a coprofilia é parecido, só que é o número dois. É conhecida também como "scat", e consiste na excitação sexual ao ter contato com as fezes do parceiro. Pode chegar a um nível ainda pior, conhecido como coprofagia, que consiste na (afffffff de novo, credo meu deus) ingestão (todos vomita) das fezes. (nossa nem vou por foto nesse de tão zuado que é).


Enfim, depois dessa chega. Acho que já tem poucas pessoas que leem meu blog, depois dessa ultima porcaria aí até os poucos que liam vão parar de ler. 
No mais é isso. Se tiverem algum desses hábitos (espero que não tenham) vão curtir a vida. E se não tiverem, façam o bom e velho sexo normal com seus parceiros. O negocio é curtir.


@RafaelRoochaa

terça-feira, 19 de abril de 2011

Vocês e suas religiões

Aproveitando o gancho do post de ontem, já que eu falei sobre morte, céu, inferno, essas coisas. Hoje eu vou falar sobre uma coisa que está, de certa forma, ligada à isso.
No post de hoje vou falar sobre religião, esse assunto tão chato.
Eu poderia chegar aqui e fazer várias piadinhas sobre os diferentes tipos de religião e tal, mas não vou fazer isso. Não porque eu não queira, mas é que eu não conseguiria, afinal esse é um tema que eu não domino, não entendo nada sobre o assunto, e nem gostaria de entender.
Resolvi fazer esse post só pra mostrar o quanto eu acho chato esse papo. Aliás, acho que é o assunto que eu menos gosto.
Eu até frequento uma entidade religiosa (que não vejo a necessidade de citar qual), mas frequento apenas por me sentir bem indo lá. Não sou desses que gosta de se envolver e fazer com que aquilo seja a coisa mais importante de sua vida.
Não que seja errado fazer isso, cada um faz o que quer. É que eu não gosto mesmo da ideia de seguir aquilo fervorosamente, e criar inimizades com pessoas de religiões diferentes. Pra mim não faz diferença nenhuma a igreja, seita, centro, ou qualquer coisa que a pessoa frequenta. É tudo a mesma coisa.
E não falo isso pra parecer que "ah, eu respeito todos, independente da religião". Não, o caso nem é o respeito. É que eu não gosto mesmo do assunto. É igual se você for uma pessoa fútil, e alguém chegar em você pra conversar sobre politica. Tanto faz se ele disser que é petista ou tucano, pra você não faz a menor diferença, afinal você não tá nem aí pra politica. Ou se você for um cara mais culto e uma pessoa falar que gosta mais da Lady Gaga do que da Madonna. Tanto faz, afinal você não tá nem aí pra essas bobagens.
Eu sou assim com religião. Se você chegar pra mim e disser que é católico, ou evangélico, ou espirita, ou ateu, satanista, qualquer coisa, eu pouco me importo. Afinal esse vai ser o último assunto que eu vou querer discutir com você.
Sei lá, vamos falar de música, politica, futebol (e olha que eu nem gosto de futebol), menos de religião.
Só o que me incomoda, é que pessoas que levam a sério demais esse assunto, geralmente só querem falar disso. Sempre dão um jeito de puxar qualquer assunto que for pra religião.
Por exemplo, você tá lá falando de uma novela, aí o cara dá um jeito de envolver Deus no assunto, e quando você menos espera a conversa já é sobre religião. Sempre acontece isso.
Sem contar as vezes que ficam convidando pra ir na igreja. Não que seja errado também, na verdade se quiser me convidar, convide. Eu não tenho nada contra, talvez eu até aceite e vá (é bem provável). O chato é quando a pessoa fica querendo mostrar os motivos dela estar te convidando, e assim querendo te provar que você precisa ir.
Cara, só convida e já está bom. Se eu quiser ir eu vou, senão, não vou. Não adianta tentar me convencer que eu sou obrigado a ir, isso só vai me fazer pegar raiva e não querer nem conhecer sua igreja.
Mas eu até entendo as pessoas que fazem isso. É que pra elas, a religião é a coisa mais importante da vida (imagina só). Mais uma vez eu digo, "não que isso esteja errado", faça da sua vida aquilo que quiser. Se isso é a coisa mais importante da sua vida, tudo bem, pouco me importo. Mas saiba que na minha não é. Então, curtam bastante suas religiões, façam delas a coisa mais importantes da vida de vocês, e sejam felizes. Só me deixem em paz.
Grato


@RafaelRoochaa

segunda-feira, 18 de abril de 2011

O que há depois da morte ?

Na quinta-feira passada eu estava indo pro trabalho normal, como todo dia né. Aí tem um lugar que eu passo que é um viaduto, que sempre tá normal como um viaduto qualquer. Mas, nesse dia, na hora em que eu estava passando, eu vi que tinha alguma coisa estranha, aí quando cheguei perto quis ver o que era. Pra minha surpresa, tinha um homem meio que pendurado lá, tipo ele estava com um pé no viaduto e o outro no ar já como se fosse pular. As mãos, uma segurava a gradinha que tem em todos os viadutos e a outra (para minha surpresa) segurava algo que o homem estava comendo (parecia uma coxinha mas não deu pra ver direito).

Na hora eu fiquei pensando bastante naquela cena, afinal, o momento de um suicídio não é a hora mais apropriada para se comer uma coxinha. Mas beleza, deixei quieto. A única coisa que eu fiz, como bom cidadão que sou, foi ligar para a polícia para que resolvessem a situação, e fui embora. Nem sei se no fim ele pulou ou não, morreu ou não.
Porém, depois fiquei pensando no assunto. Porque será que ele queria pular ? O que será que fez ele pensar que a morte seria a melhor solução ?
E é aí que veio a inspiração para fazer este post que fala sobre um assunto tão polêmico: A Morte !
aaahhhhhhh soooccoooorrrrororooooooooo

Porque o ser humano tem tanto medo da morte ? E tantas duvidas ?
Quando se fala em morte, existem diversas possibilidades:
A primeira é que você vai pro céu, a segunda é pro inferno. Tem gente que acredita em reencarnação, e outros mais chatões, acham que apenas acaba tudo.
Fiquei pensando em qual dessas possibilidades eu prefiro acreditar.
vc tem duas escolhas. é um caminho sem volta

Sobre as que acham que acaba tudo, sei lá, mas não quero acreditar nisso. Ah é chato imaginar que eu fui obrigado a viver, assistir vídeos do Felipe Neto, ouvir músicas do Renato Russo, ler um livro do Paulo Coelho inteiro, e ver tudo o que há de mais chato nesse mundo em vão. Depois de tudo isso que eu vivi, a única coisa que eu quero é receber algo bom quando eu morrer, e não simplesmente "acabar tudo". Afff que chato.
Sobre ir pro inferno, acho que ninguém curte né. Eu não sei como é lá, mas pelo que dizem é um lugar bem ruim. Sendo assim, creio que lá todos os caras andam sem camisa e tomam heineken, as minas tem tatuagem no coccix e falam palavrão na hora do sexo, tem um DJ que passa o dia todo tocando música eletrônica e o uso de drogas é liberado.
Não sei, talvez não seja bem assim, mas pelo que falam que é horrível, imagino que seja bem assim sim.
aposto que é o livro de #humor do gentili, só pode

Sobre o céu, acho que deve ser legal. Lá todo mundo é legal, acho que tem umas vovozinhas que fazem biscoitos e leite com nescau pra você, tem umas minas que ficam fazendo massagem e tals. O problema é que talvez tenha um lado meio entediante. Eu só consigo imaginar as pessoas mais velhas indo pro céu, porque esses jovens de hoje em dia que só ficam fazendo merda, com certeza não serão aceitas no reino de Edir Macedo.
Considerando que só tem velhos lá (se é que é assim), talvez seja um pouco cansativo, pois só fazem coisas que são hábitos de pessoas mais velhas. Acho que a galera fica lá o dia todo jogando bingo, contando historias de quando eram novos, pedindo o lugar no assento preferencial no ônibus, sabe, essas coisas. É assim que eu acho que deve ser o céu (me corrijam se eu estiver errado).
o bom do céu é que tem vários anjos

E por ultimo a reencarnação, que eu acho que é a melhor. É nessa que eu prefiro acreditar.
Afinal, imagina você viver sua vida inteira e aí quando você morre vive tudo de novo ! Maneraço !
E mais, na segunda vida, você pode tomar mais cuidado pra não fazer as cagadas da vida anterior. Por exemplo, se eu morrer e reencarnar, eu sei que na minha próxima vida eu não preciso perder meu tempo lendo livros do Edgar Allan Poe, pois eu já sei que não é legal. Sei também que não adianta eu querer ficar pagando de critico alternativão, o negocio é ser descolado e curtir tudo que a galera curte, pois assim fica mais fácil de fazer amizade com pessoas maneras. Sei também que não dá dinheiro ficar em blog fazendo graça.
Enfim, várias coisas que aprendi nessa vida e que se eu reencarnar. não farei na próxima. Por isso espero que quando morrer, eu volte (e volte mais bonito, alto, forte e com mais dinheiro).

@RafaelRoochaa

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Comentários sagazes só porque eu cortei o cabelo

Até pouco tempo atrás eu era cabeludo. Tive cabelo comprido durante sete anos. Porém, há umas duas semanas mais ou menos, resolvi cortar.
Como não devo nada pra ninguém fui lá e cortei, pronto.
Confesso que fiquei com um pouco de medo de me arrepender, mas cortei, afinal é só um cabelo.
Eu antes de cortar o cabelo

Mas a pior parte foi depois que eu cortei. Percebi que as pessoas são realmente mais bestas do que a minha mente poderia imaginar.
Claro que eu esperava reações de pessoas que iriam me estranhar, foram tantos anos me vendo com aquele cabelão, e de repente eu chego com o cabelo curto. É natural que todos se choquem.
Para evitar o excesso de comentários desnecessários, antes de mostra-lo ao vivo, postei uma foto de cabelo curto no facebook, assim as pessoas iriam ver e quando encontrassem comigo já estariam acostumadas.
Mas mesmo assim. A foto teve alguns comentários, normal. Mas, para o meu desprazer, muitas pessoas insistiram em fazer comentários babacas. Não que comentar o fato seja errado, mas existem algumas maneiras de se comentar que são extremamente babacas.
O primeiro tipo de comentário babaca é aquele da pessoa que se espanta e diz: "NOSSA !!!! Você cortou o cabelo !!! Não acredito"
Gente, eu cortei o cabelo, não é pra tanto assim. Eu não cortei um braço, não arranquei um olho da minha cara. Eu só cor-tei-o-ca-be-lo. Só isso, é uma coisa normal. É tão normal que até existe um profssional pra fazer esse trabalho pra você. Chama-se cabeleireiro. Não é pra se espantar tanto.
Outro tipo de babaca é o que diz: "Cortou o cabelo. Parou de ser roqueiro é ?"
Meu Deus do céu, o que meu cabelo tem a ver com a música que eu vou ouvir ? Me explica, qual é a relação ?
Se cabelo comprido realmente for coisa de roqueiro, creio que o Frank Aguiar seja um daqueles headbangers bem radicais né. Já o Mick Jagger com aquele cabelinho curto dele não tem nada de rock'n'roll.
Cabelão 100% Rock 

Ainda tem as pessoas que não me reconhecem. Cara, será que essa pessoa só via meu cabelo quando ele era comprido ? Caso não tenham percebido, mesmo cabeludo eu tinha um rosto, um corpo. Acho que nunca repararam, né ?
E por fim, o tipo de babaca mais repugnante que existe e nos últimos dias eu tive que aguentar fortemente uma série de comentários sem graça.
Aqueles que chegam, percebem que você cortou o cabelo e...(suspiro inconformado)... tentam fazer uma piada.
Tudo bem, a pessoa quer ser engraçada, conta uma piada do Ary Toledo, faz uma imitação do Silvio Santos, fala um bordão do Zorra Total, mas por favor, não faça piadinhas sobre "você cortou o cabelo".
 "Aí o cara foi lá e cortou o cabelo" (Plateia ri) hahahahahahahahah

Primeiro porque não é surpreendente. Quando alguém corta o cabelo, todo mundo já espera que algum babaca vá fazer uma "piada".
E outra: Não é engraçado.
Sabe, você não vê ninguém fazendo um stand-up comedy porque alguém cortou o cabelo, ninguém grava um vlog porque alguém cortou o cabelo, o Danilo Gentili não faz um tweet falando de alguem que cortou o cabelo, o Chico Anysio não cria um personagem que corta o cabelo em todas as sketchs. Sabem porque ? Porque não é engraçado. Só por isso.
Então por favor, (sério, por favor mesmo) da próxima vez que alguém cortar o cabelo não tente ser engraçado, pois você só vai conseguir ser babaca.
A unica coisa que me consolou foi que, ao contrario do que eu esperava, nenhuma pessoa falou aquele negocio do "cortou o cabelo ou tirou pra lavar", o que me fez acreditar que ainda há pessoas que podem fazer do mundo um lugar melhor. Obrigado a todos que não fizeram esse comentário.

@RafaelRocha_1

terça-feira, 12 de abril de 2011

Dicas de como agir em uma micareta

Como eu disse no post anterior, recentemente fui a minha primeira micareta. Mas, creio eu, que não agi da maneira correta, como se deve agir em um lugar desses.
Talvez por isso não peguei ninguem, não fiz nenhuma amizade, não conheci nenhuma pessoa legal. Afinal, enquanto eu deveria estar sendo "super maneraço" igual a galera que frequenta esse tipo de lugar, eu fiquei comendo churros em um canto, não dancei, não usei drogas e bebi pouquiiissimo.
Mas pelo que eu vi, não é tão dificil assim se dar bem em uma micareta. Por isso seguem as dicas de:


Como agir em uma micareta


1 - Não use camiseta


Quando eu cheguei no local, vi que a maioria dos homens não usavam camiseta. Aí pensei "é porque o abadá é muito feio, aí os caras não usam", mas depois vi que na verdade a intenção é mostrar os musculos, pois isso atrai gatas. Se você for muito, mas muito legalzão mesmo, você pode tirar seu abadá, enrolar e amarrar no seu braço, como uma pequena faixa.
Vai ficar escroto pra caramba, mas na micareta faz sucesso, então use desse modo.
Até a Ivete paga pau pra cara sem camisa


2 - Chegue beijando as meninas sem nem perguntar nada


Na micareta, o cara nunca fala pra uma gata "tá afim de dar uns beijos" ou "quer ficar comigo" ou qualquer coisa assim. Os caras já vão tudo louco na freneticidade e beija sem nem perguntar o nome da pessoa. É algo inacreditável.
Quando eu fui na micareta estava com três amigas, e para o espanto de todos, uma delas chegou a tomar uma mordida de um cara que tava querendo pegar geral !!!
É mole ? O cara acha que mordendo a menina vai conseguir alguma coisa. (ou sei lá, talvez nem quisesse conseguir nada, vai ver o fetiche do cara estava justamente na mordida, sei lá tem cada maluco por aí hoje em dia).
Na micareta não existe todo esse romance, é só chegar beijar e ir embora


3 - Dance muito


Não importa se é o ritmo de musica que você gosta, não importa se você sabe dançar. É obrigatório o ato da dança. Quem se recusar a dançar vai ser visto como um monstro (assim como eu fui).
Visssshhhhhh


4 - Finja que é rico


Esse é um dos poucos momentos em que você pode fingir que é rico, então aproveite. As gatas não te conhecem, então basta colocar uma roupa nova, cortar o cabelo no melhor estilo "playboy babaca" e fingir que é o cara mais milionário da paróquia.
Claro que assim todas vão querer você. Depois você vai embora, nunca mais as vê, e fica na boa.
Vai nesse estilinho aí que você pega geral
_
Enfim, na verdade seriam cinco dicas baseadas no que eu vi por lá, no modo de vida dos frequentadores de micaretas, segundo o que eu observei.
Mas decidi que a ultima dica não deve ser baseada neles, mas em mim mesmo, então vai lá. A ultima dica é para caras que pensam e vivem como eu e vão a uma micareta.


5 - Cuidado com tudo


Não beije qualquer uma porque essas meninas beijam  várias pessoas (e fazem até coisa pior), logo elas contraem diversas doenças como herpes, AIDS, sapinho e essas porcarias aí. Não olhe para nenhum cara porque ele pode achar que você está encarando e vai querer brigar.
Não olhe também pra nenhuma menina, porque ela pode ser namorada de alguém e vai dar rolo pro seu lado. E muito cuidado com celulares, carteiras e tudo que estiver no bolso, porque devido a aglomeração de pessoas, as chances de você ser assaltado aumenta em... ah, muitos % não sei o numero exato, mas aumenta muito.


E é isso, com essas dicas você poderá curtir muito sua micareta. Boa sorte


@RafaelRocha_1

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Fui na micareta e não morri

Na semana passada, tive uma experiência que eu jamais achei que fosse ter na minha vida. Algo que eu sempre critiquei, sempre odiei quem fazia... mas eu fiz.
Eu fui a uma micareta !!!
Pode até parecer uma coisa normal, mas não é pra mim, afinal eu sempre fiz aquele estilo rock'n'roll. Mas, acabei indo.
Na verdade fui porque ia com pessoas legais, então achei que independente de tudo de ruim que imaginei que teria lá, valeria a pena devido às boas companhias.
Não é preconceito sabe, o meu problema com esse tipo de festa, nem é pela música ruim. O problema é que geralmente o índice de babacas nesses lugares é extremamente grande.
Antes de decidir ir, eu até sabia que essa micareta ia acontecer, mas (obviamente) não tive vontade de ir. Mas, uma amiga que eu não vejo com muita frequencia ia e me chamou.
Aí eu pensei o seguinte: "Bom, eu vou nessa micareta, vejo a minha amiga que eu estou com saudades, tomo uma cervejinha normal, e depois ainda vou ver um monte de coisa lá pra criticar no blog depois". Aí achei que ia ver umas coisas estranhas, chegar aqui e fazer um post no melhor estilo "Felipe Neto", falando mal de tudo.
Mas, pra minha decepção, (por mais que eu odeie admitir) não é tão ruim quanto eu imaginava.
Quando eu fui pra lá, pensei que ia encontrar coisas como pessoas fazendo sexo ao ar livre, pessoas brigando o tempo inteiro, pessoas bebendo Heineken, pessoas fumando maconha, pessoas roubando carteiras, gente babaca, e DSTs, muitas DSTs.
Só que não foi bem por aí não. Em relação ao sexo ao ar livre, tinha uns pega nervoso embaixo de uma arvore que tinha lá perto, mas sexo, sexo mesmo, daquele que o casal tá pelado e tals, não vi não.
Quanto às brigas, não vi nenhuma. Sobre a Heineken, graças ao bom Deus eu nem vi uma dessas, se visse ia embora na hora. Já a maconha, em poucos momentos senti aquele cheiro, que pra mim significa "cuidado, você vai ser assaltado". E ainda sobre isso, teve uma hora que tentaram (mais uma vez) roubar meu celular, mas foi só uma vez. Considerando o tanto de gente que tinha no local, um ladrão era pouco, então tá tudo bem.
Agora em relação às pessoas babacas que eu esperava encontrar, claro que encontrei muitos. Rapazes que faziam questão de andar sem camisa mesmo estando frio, caras que forçavam as meninas a beijá-los (o que pra mim é quase um estupro, alô policia, vamo resolver isso aí), e por aí vai. Mas foi bem menos ruim do que eu esperava.
E em relação as DSTs, nem preciso dizer que não peguei ninguem né ? Sendo assim, não peguei claro.
Então, na proxima vez que me chamarem para uma micareta, não hesitarei em dizer "siiiim, vamos sim demorou".
(Desculpa Felipe Neto, eu queria ser igual você e criticar tudo, mas eu não consigo)


@RafaelRoochaa

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Entrevista com João, dos Insanos

Gravando vídeos com bizarrices como comer pão com esterco, sessão de sado-masoquismo, e até fumar um cigarro de pelos humanos, os Insanos tem chamado bastante a atenção na internet com seus videos no melhor estilo Jackass.
A dupla formada por Diego de Oliveira (mais conhecido como Diego Cueca) e João Paulo Araujo grava seus videos há oito anos, e depois de uma pausa nas produções, os Insanos estão de volta com uma nova temporada para 2011. Confira abaixo uma entrevista com João Paulo, que atualmente também conta com seu outro canal, o Meu Mundo Minha Vida, onde grava seu dia-a-dia para mostrar como é a vida de um jovem no mínimo... insano!



João, como e porque resolveram começar este tipo de trabalho ?

A gente sempre teve a ideia de fazer um video de skate,  e no meio dos videos sempre rolava umas insanidades. Os videos começaram a fazer sucesso não só pelo skate, mas também pela zuera que a gente fazia !! Então resolvemos montar um grupo de amigos só para filmar esse tipo de video, foi ai que surgiu os insanos.

Existem muitas comparações com o Jackass ?

Sim !! Os caras sao os mestres. Quando a gente comecou a filmar o insanos, tava na febre do jackass e claro que as comparações eram feitas. Mas pra gente e muito style ser comparado com os caras, a galera sempre diz: "olha o jackass de jundiai ai !!!" 

Vocês ficaram algum tempo sem gravar. O que os levou a parar as gravações durante esse periodo ?

Então, o insanos comecou com 6 integrantes, mas logo foi diminuindo a galera. Um se mudou para floripa, outro virou skatista profissional e não podia ficar se matando, um arrumo uma namorada que nao deixa ele gravar e outro se casou, entao deu uma desanimada pra gravar. Mas sobrou o eu e o Diego cueca, que ama os insanos e não troca os videos por nada. Fazemos por amor e não pelo dinheiro ou por isso que está dando certo agora.

Os videos são muito bem gravados, com uma imagem e áudio de boa qualidade. Como é a produção dos vídeos ? Existe uma equipe ? Quem faz as filmagens ?

A equipe é formada por mim, Diego cueca e nosso amigo Allan. Na parte de filmagem e edição sou eu mesmo que faco, aprendi na raca vendo tutorial e fuçando nos programas. Adoro editar os videos, viajar nas filmagens, e o resultado fica bem legal. Nós usamos uma camera de mão semi profissional e mais nada, acho que quando você faz as paradas com vontade elas tem um bom resultado.


Fazem os vídeos com a intenção de ganhar dinheiro ?

Dinheiro sempre e bom, mas se a gente fosse viver disso seriamos mendigos. A gente faz por diversão, eu sempre gostei de produzir videos, até fiz algum tempo de faculdade de rádio e tv, mas parei. Mas quero me profissionalizar na área de produção de videos, e quem sabe um dia a gente tenha um programa dos insanos na tv.

Existe alguma preparação em relação à segurança, para que não aconteça algo grave durante as gravações ?

Rezamos um pouco antes de comecar a gravar, mas sempre tomamos um pouco de cuidado. Mas o legal do insanos é que se machucar é a melhor parte dos videos.

Vocês já tiveram algum tipo de problema em relação ao conteúdo dos vídeos ? 

Não, a gente não gosta de zuar outras pessoas, sempre procuramos filmar em lugares tranquilos, e quando é video que o foco é ver a reação do público , os únicos que são zuados somos nós mesmo. Não mexemos com ninguem e nunca tivemos esse tipo de problema.


Fale um pouco sobre seu outro projeto no youtube, o Meu Mundo Minha Vida ?
                                                     
Foi na época que o insanos tava parado, eu queria muito fazer alguma coisa relacionada a video, então no fim do ano pensei "pow vou começar a filmar todos os dias e postar no youtube pra ver o que acontece". Foi aí que eu fiz o meu mundo minha vida, agora estou com esses 2 canais no youtube e esta meio dificil de organizar os 2. No momento estou mais focado no insanos, mas sempre estou postando videos novos no meu mundo.


Mesmo com este outro canal, o Insanos ainda é seu projeto principal ?

Sim, sempre foi. Meu mundo minha vida foi uma ideia louca que eu tive, mas minha vida é o insanos, agora com essa formação dos insanos, os videos voltaram a ser o principal projeto.


Qual foi a pior coisa que você já fez nos vídeos do Insanos ?Existe algo que não faria, por medo ou outro motivo ?

Acho que nessa temporada 2011 tá rolando uns videos mais fortes. Eu nao fiquei muito feliz em fazer uma sessão de sado masoquismo, e o Diego cueca não gosta de lembrar o dia que ele comeu esterco com pão e detergente no Gordo Freak Show. Acho que todos os videos ficam marcados na memória, ou no corpo !!!


Como está a visibilidade dos Insanos hoje ? Bastante views no youtube ?

Cara, em menos de 30 dias tivemos muito acessos, foi até surpresa pra gente. Mais de 40 mil acessos e mais de 1200 inscritos no nosso canal, gente de todo brasil mandando mensagens falando que os videos são muito bons. Isso deixa a gente com mais vontade de filmar. Todo vídeo que a gente lança fica entre os 10 mais vistos do dia. É uma sensação muito boa ver que os videos estão agradando o publico.
__


Os videos dos Insanos podem ser vistos nesse link aqui: http://www.youtube.com/user/Insanosproducoes
E o Meu Mundo Minha Vida, nesse aqui: http://www.youtube.com/user/meumundominhavida11
Sigam o João no Twitter: @Joaoinsanos
E os Insanos: @Insanosvideos


@RafaelRocha_1

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Dicas de como curtir seu primeiro de abril

Aeeee 1° de abril, o grande dia da mentira !!!

Para alguns, esse é um dia horrivel, pois é apenas o dia em que você, querendo ou não, vai ouvir vários comentários absurdos seguidos de um (em tom bastante alegre) "1° de abriiiiil".
Tão vendo só, em um post sobre mentira coloquei uma foto do Maluf. Entenderam o senso de humor com critica social ? #CQC

Já para outros (que são mais bobos), esse é um dia de fazer várias mentiras/brincadeiras/piadas/zueras super engraçadas e divertidas.
O problema é que ninguem inventa mentiras novas. Desde que eu me conheço por gente, em todo 1° de abril eu ouço alguem falar que uma vizinha (sempre a mais pobre) ganhou na loteria e foi embora. Aí no fim do dia, ou quando eu encontro a vizinha o cara fala o tradicional "primeiro de abriiiil" e dá aquele sorriso gostoso. Os mais ousados sempre dizem que viram sua namorada (caso você tenha uma [você tá lendo um blog, duvido que namore]) com outro cara. Mas ainda assim, nunca supreende ouvir essas coisas, afinal você já sabe que é mentira.

Por isso que estou fazendo esse post, pra tentar te ajudar a fazer coisas mais inovadoras. Seguem abaixo

Dicas de como curtir seu 1° de abril

1ª Dica: Minta pro seu pai que sua mãe morreu

Essa até parece ser manjada, mas não é se você souber fazer do jeito certo.
O ideal é que ligue para seu pai quando ele estiver trabalhando, mas você deve ligar chorando. Se for um ator ou tiver facilidade para chorar de forma forçada, é nessa hora que deve usar esse talento. Caso não consiga forçar, faça algo que te faça chorar. Exemplos: dê uma martelada no próprio dedo (mas essa não é aconselhavel porque doi), quebre seu próprio computador, pede para uma galera te bater, enfim, diversas opções... aí quando estiver chorando ligue para ele e diga: "Pai, acho que a mãe morreu".
Quando ele ver que você está chorando, sem duvida ele vai achar que é verdade, aí cara!!! Ele vai ficar muito desesperado. Quando ele chegar em casa você fala que era zuera e pronto, todos vão achar muito divertido !!!
(Talvez ele fique bravo e te expulse de casa, mas isso depende do senso de humor do seu pai)

2 ª Dica: Minta para seu melhor amigo que pegou a namorada dele

Essa também pode parecer velha, aquela do "sua namorada tá te traindo", sempre tem alguem que fala sobre traição entre amigos. Mas, nesse caso VOCÊ vai falar que pegou a mina do cara. Se possível combine com ela para que confirme a historia, aí ele vai ficar muito bravo, muito mesmo.
Devido a isso claro que ele vai espancar a menina, aí depois que isso acontecer diga que era apenas mentira de primeiro de abril. Aí ele vai pensar "poxa e eu bati na minha namorada sem motivo, hahaha que engraçado, cai mesmo na mentira que esse cara bolou". E mais uma vez, todos se divertem.
(Lembre-se que a lei Maria da Penha pode estragar sua brincadeira, caso seu amigo seja preso por bater na namorada, a zuerinha pode não dar muito certo).

3ª Dica: Minta para o padre da sua igreja que você é gay e tá afim dele

Essa é mais pesada, pois envolve religião. Lembrando que ninguem aqui tem nada contra gays, mas todos sabemos que a igreja não apoia muito o homossexualismo, então o padre vai ficar bem chocado quando você "confessar" isso pra ele.
O ideal é que chegue como que vai fazer uma confissão normal, aí você chega e fala que é gay. Muito provavelmente o padre (que ainda tem um pensamento atrasado e preconceituoso) vai falar que isso não é certo (vá em uma igreja bem conservadora pra ser garantido que ele vai falar isso) e mandar você rezar um monte de pais nossos. Mas aí você fala que a única coisa que você quer é aproveitar aquela casinha de se confessar e ficar com ele lá dentro.
Meu, ele vai ficar muuuuuito sem graça, sério mesmo. Aí depois você fala que era só brinks, e ele vai achar muito da hora.
(Essa mentira tem dois riscos que você corre ao faze-la: Talvez seja expulso da igreja, ou talvez o padre aceite sua proposta, aí pra você provar pra ele que era zuera vai dar um trabalhão).

4ª Dica: Minta para sua namorada que está com AIDS

Essa também, parece que é meio obvia. E realmente é, se logo depois do sexo você falar "hááá eu tenho aids, se ferrou". Ninguem vai acreditar nisso, porque é ridículo.
O certo é assim: Você faz sexo com sua namorada, aí quando terminar, comente com ela de forma muito natural "sabia que uma vez eu já peguei AIDS, mas pode ficar tranquila, só peguei uma vez, faz tempo já". Finja que não sabe que a AIDS não tem cura, finja que acha que pegou mas já está curado. Ela que não é burra vai ficar assustadissima e te explicar que não dá pra sarar dessa doença, aí você finge que ficou espantado e assustado, depois manda ela fazer um exame pra ver se passou pra ela.
Quando ela for fazer o exame fique colocando medo (repare que essa mentira vai além do dia 1° pois você vai ter que esperar até o dia do exame pra dizer que era mentira), aí quando der que ela não está doente, você dá aquele sorrisão e diz "amor, lembra quando eu te disse que tinha AIDS ? Era primeiro de abriiiil".
Talvez ela fique brava e termine com você, mas isso também, depende do senso de humor dela.

Enfim, essas são apenas algumas dicas para você curtir essa data, saiba que elas vão te ajudar a se divertir muito......... HÁ, PRIMEIRO DE ABRIIIIIL ! 
É tudo mentira né gente, se vocês fizerem essas coisas tudo que vão conseguir é ser expulso de casa, perder seus amigos e namorada e fazer sexo com um padre, só isso, ninguem vai achar engraçado.
Peguei vocês nessa hein. É, o negocio hoje é assim, tudo que te disserem é mentira, não acredite em nada e nem ninguém.

@RafaelRoochaa